Igor Gasparini

Igor Gasparini

DRT: Artista – Dançarino nº 22.492/SP

DRT: Jornalista nº 55.208/SP 

Formado em Jornalismo pela PUC e em Educação Física e Saúde pela USP. Pós-graduado em Jornalismo Cultural, com ênfase em crítica de dança; Mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP; foi bolsista CNPQ. Trabalhou na TV-PUC, na Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Cultura e é professor e coreógrafo de Danças Urbanas e de Dança Contemporânea.

Igor Gasparini também é professor dos Cursos Técnicos Profissionalizantes de Dança na Academia Tania Ferreira e na ETEC de Artes – Centro Paula Souza; foi artista orientador do Programa Vocacional Dança da Prefeitura de São Paulo por 4 anos; do Programa de Qualificação em Dança do Governo do Estado de São Paulo; e também realizou workshops de dança pelas Oficinas Culturais do Estado em cidades do litoral e interior.

Diretor e intérprete-criador do T.F.Style Cia de Dança, núcleo que pesquisa a Dança Urbana Contemporânea e destacam-se as obras ELO (2019), Carne Urbana (2017), Sob a Pele (2016), Anti (2014), Beco (2014), Tempo (2013),  Deserto de Ilusões (2011), Encontros e Desencontros (2009) e Formas – um aspecto em particular (2007). A companhia foi contemplada pela 20ª, 24ª e 28ª Edição de Fomento à Dança da cidade de São Paulo e pelo PROAC 2016 para Circulação de Espetáculos de Dança no Estado de São Paulo. E recebe o prêmio APCA de Melhor Estreia 2019 com a obra ELO. Dentre as principais atuações da Cia estão as temporadas nos diversos teatros da cidade de São Paulo; a participação no Circuito SESC de Artes; no Circuito Cultural Paulista; e no Circuito São Paulo de Cultura; os espetáculos, workshops e intervenções realizadas em diversas unidades da Rede SESC-SP. Destacam-se também a participação no extinto Teatro da Dança; além de workshops e espetáculos que fizeram parte da programação de edições da Virada Cultural de São Paulo e da Virada Cultural Paulista. A Cia também realizou temporadas em locais expressivos como Centro Cultural São Paulo, Teatro Sérgio Cardoso, Museu da Imagem e do Som (MIS) e Galeria Olido. Em 2014, foi contemplada pelo Programa Vai 2, da prefeitura de São Paulo, realizando oficinas e espetáculos em diversos CEUs da cidade.

Recebeu o Prêmio de Melhor Coreógrafo na categoria Dança do 10º Prêmio Jovem Brasileiro. Foi convidado também para ministrar workshops na cidade de Arhem, na Holanda, e realizou aperfeiçoamento em Nova York, nos Estados Unidos, pela Broadway Dance Center nos anos de 2011, 2012, 2014 e 2017. Também realizou cursos em outros locais dos Estados Unidos, Espanha, França, Áustria, Holanda, Itália e Argentina.

Foi comissão de análise de Projetos Culturais de Dança do Edital PROAC 1as Obras do Governo do Estado de São Paulo; do Prêmio Nelson Seixas (São José do Rio Preto) e dos projetos culturais do Governo do Estado do Paraná e da cidade de Votorantim. Também realizou bancas avaliação na conclusão de cursos de formação em dança na ETEC de Artes, Universidade Anhembi Morumbi e Faculdade Paulista de Artes.

Colaborou com artistas e grupos de dança como Coletivo O12, da cidade de Votorantim; dançou, produziu e foi auxiliar de direção na KD Cia de Dança, da cidade de Potirendaba; pelo Grupo DivinaDança, em espetáculo de Alex Soares; também por 3 anos integrou a Cia de Performance, dirigida por Tati Sanchis e Henrique Bianchini, e foi dançarino e coreógrafo do Bombelêla Dance Company, grupo que trabalha com estilos clássicos do hip hop e é precursor da dança inclusiva, dirigido por Mark Van Loo. Fez a orientação corporal e cênica para o grupo RZ Rogéria Zago, de Piracicaba; e foi convidado para integrar a edição comemorativa de 10 anos do Grupo Zumb’Boys com o trabalho Dança por Correio. Participou também de Pipando… Onde dormem os pássaros com o Núcleo Pedro Costa.

Dançou por dois anos com a apresentadora Eliana (2003 a 2005); fez parte do elenco brasileiro do show do grupo BTS (2019); foi coreógrafo de Comissão de Frente da Acadêmicos do Tatuapé (2004 a 2007), e pela Combinados do Sapopemba (2011), além de ter coreografado também para o grupo Balão Mágico.

 

Apresentação Limeira-102